carregando...
Ecco Hotel, um projeto comercial sustentável em João Pessoa.

Ecco Hotel, um projeto comercial sustentável em João Pessoa.

Explorar a modernidade com sustentabilidade é um dos desafios atuais dos empreendedores, mesmo assim, dois arquitetos nordestinos usaram a inovação e criatividade para juntar esses elementos. 

O paraibano Rodolfo Albuquerque e o pernambucano Leonardo Couto construíram, no litoral norte de João Pessoa, um Hotel a partir de containers. Um ambiente voltado para a sustentabilidade e preservação.

Comuns como soluções arquitetônicas na Ásia e Europa, os containers só começaram a chegar no Brasil há poucos anos. Na Paraíba, o Ecco Hotel, localizado no bairro do Bessa, foi o pioneiro com esse formato na cidade. Ele faz parte de uma rede hoteleira que possui unidades na capital e em outras cidades paraibanas, mas é o único com essa formatação.

A gerente do hotel, Sabrina Bezerra da Silva recebeu a equipe do Portal T5 e deu detalhes sobre o empreendimento. Ela revelou que  ideia é voltada justamente para a reutilização.

“A ideia de um hotel feito de container é justamente o reaproveitamento desse material. Além do reaproveitamento do contêiner em si, o hotel acaba contribuindo para a reutilização de materiais como garrafas PET e vidro. Existe um revestimento dos contêineres para filtrar o calor que também é feito com esse material reciclado. O revestimento é feito com drywall, lã de pet e lã de vidro que cria uma barreira tanto acústica quanto térmica”, disse.

Além da vantagem ambiental, o espaço acaba atraindo turistas e hóspedes curiosos para viver a experiência de dormir em um quarto feito com um material tão novo na construção civil.

“Sempre que escutam o nome ‘hotel em container’, as pessoas geralmente ficam com  uma curiosidade e uma delas é sobre a temperatura dos quartos. Ao se hospedar ou visitar, elas constatam que a temperatura é ambiente, justamente por conta de revestimentos, além da tinta que é que também absorve um percentual de calor”, revelou.

ele tem essa cultura voltada à sustentabilidade

Sabrina Bezerra - Gerente do Ecco Hotel

É aí que além de um lugar para receber hóspedes, o estabelecimento se transforma em um ponto de visitação e promoção de educação ambiental.

“Constantemente os hóspedes tiram dúvidas com os funcionários do sobre a construção e é uma das coisas que atraem muitas pessoas. Existem várias perguntas em relação a tamanhos dos quartos, como surgiu a ideia, como é que é feito todo esse processo”, disse a gerente.

Construído a partir de uma casa, o espaço possui 37 quartos, sendo seis em alvenaria e 31 em container. Mesmo com a disponibilidade de alguns quartos em alvenaria, os hóspedes, em sua maioria fazem questão de vivenciar a experiência de se hospedar em um container.

A ideia vem sendo apresentada em feiras do segmento, inclusive Rodolfo Albuquerque e Leonardo Couto, donos do Ecco Hotel, apresentaram uma casa em container voltada para Ecologia e reaproveitamento na de edição 2016 da Casa Cor Paraíba.

A preocupação ambiental não se resume à construção, há política de uso consciente dos recursos, através de ações e educação.

“Não possuímos frigobar nos quartos em container, visando a economia de energia, porém o hotel oferece um frigobar Central em que o hóspede pode trazer o que ele quiser identificar com o nome e usar quando ele precisar. Além disso há uma preocupação e orientar os hóspedes sobre a desova das tartarugas, já que o hotel é instalado próximo a uma praia que é assistida pelo projeto ‘tartarugas urbanas’”, disse.

O hotel é construído em um espaço onde o Ibama proíbe a exposição de luz na areia da praia. Isso faz com que o hotel intensifique a conscientização dos hóspedes quanto a isso.

“Todos os dias voluntários passam a procura dos ninhos das tartarugas, fazendo a limpeza e a gente tenta fazer um trabalho de conscientização entre os hóspedes, já que eles vão usufruir do espaço da praia”.

Sabrina revelou ainda a preferência que os clientes dão ao Ecco Hotel quando ficam sabendo da preocupação com o reaproveitamento e causas ambientais.

 “Existem hóspedes que dão preferência ao hotel ao saberem que ele tem essa cultura voltada à sustentabilidade. Fazemos parte da rede de Hotéis Village, temos hotéis aqui em João Pessoa como em outras cidades, porém, toda vez que o hóspede chega em uma dessas unidades e conhece a ideia do hotel em container e ele sente a curiosidade e acaba dando preferência ao nosso”, revelou.

Apesar do uso dos containers como material nas construções civis ser algo novo, outras empresas adotaram a iniciativa. Nos arredores do empreendimento já existem outros estabelecimentos comerciais que se inspiraram na ideia de um construção em container.

Entre em contato

Gostou desse empreendimento comercial com containers? Você gostaria de saber mais sobre essa tendência do mercado? Entre em contato, ficaremos felizes em poder lhe atender.

Fonte: Portal T5


Gostou do que viu? Tem dúvidas?

WhatsApp